Tratamento de Varizes a Laser. Os primeiros tratamentos para suas varizes – as veias aumentadas e descoloridas causadas pela insuficiência venosa – geralmente envolvem mudanças no estilo de vida e meias de compressão. Mas em casos mais específicos outro tipo procedimento médico pode se fazer necessário.

Pode ser recomendado caso suas varizes causem:

Algumas pessoas também optam por ter procedimentos para melhorar a aparência das pernas.

Tratamento de Varizes a Laser

Um laser é um feixe de luz altamente focado. O médico cirurgião vascular pode utilizar o laser para tratar varizes. O calor do laser danifica a veia, fazendo com que um tecido cicatricial se forme, fechando a veia. A veia fechada perde sua fonte de sangue e morre. Depois de um ano ou dois, é provável que a veia desapareça.

Tratamento a Laser Simples

O tratamento simples das veias a laser é realizado na parte externa da pele. Ele pode tratar as conhecidas como veias de aranha e as pequenas varizes logo abaixo da superfície da pele. Geralmente, é necessário mais de uma sessão de laser. Elas são agendadas a cada 6 a 12 semanas, conforme prescrito pelo seu médico. (Se você tiver má circulação sanguínea alimentando essas veias minúsculas, a veia “alimentadora” maior deve ser tratada primeiro com cirurgia, laser endovenoso ou tratamento com radiofrequência ou escleroterapia).

Tratamento a Laser Endovenoso

O tratamento a laser endovenoso pode tratar varizes maiores nas pernas. Uma fibra laser é passada através de um tubo fino (cateter) para a veia. Enquanto isso, o médico observa a veia em uma tela de ultrassom. O laser é menos doloroso do que a ligação e a remoção de veias e possui um tempo de recuperação mais curto. Apenas anestesia local ou um sedativo leve são necessários para o tratamento a laser. (Para ligadura e decapagem, a anestesia geral é usada).

Riscos do Tratamento a Laser

Todas as cirurgias têm alguns riscos. Alguns possíveis riscos de cirurgia a laser para varizes incluem:

  • Infecção;
  • Dor na veia;
  • Sangramento;
  • Hematomas;
  • Danos nos nervos;
  • Vermelhidão ou inchaço (inflamação) da veia;
  • Coágulos de sangue;
  • Alterações na cor da pele na veia tratada;
  • Queimaduras.

Você pode ter outros riscos, dependendo da sua saúde geral. Certifique-se de conversar com seu médico sobre quaisquer preocupações que você tenha antes da cirurgia.

O Procedimento

Para verificar a veia antes e durante o procedimento um aparelho de ultrassom será utilizado. Esse processo usa ondas sonoras para criar uma imagem da veia na tela do computador. O profissional faz um pequeno corte ou incisão na pele e insere o cateter. O laser será colocado no cateter. À medida que o profissional de saúde puxa lentamente o cateter, o laser aquece o comprimento da veia. A veia irá fechar e, eventualmente, deve encolher.

O procedimento geralmente leva menos de uma hora. O corte onde o cateter foi inserido provavelmente será pequeno o suficiente para que você não precise de pontos. Um curativo será aplicado no final do procedimento.

Resultados

O tratamento a laser simples é feito para veias de aranha pequenas e varizes minúsculas. Às vezes, essa é uma segunda etapa do tratamento, após varizes maiores terem sido tratadas com cirurgia, tratamento endovenoso a laser ou radiofrequência ou escleroterapia.

O tratamento a laser endovenoso é usado para fechar varizes maiores, em vez de usar a cirurgia para removê-la. A eficácia do tratamento a laser venoso funciona em 94/100 vezes. Se o tratamento a laser endovenoso não fechar a veia, você precisará de um segundo tratamento. Em alguns casos, a cirurgia é recomendada.

Referência: Johns Hopkins Medicine