Cirurgia de Varizes com Anestesia Local. Quando falamos de procedimentos cirúrgicos, uma das primeiras coisas que nos vem à cabeça é a aplicação de anestesias. Assim como em diversas condições, os tratamentos para varizes, como a microcirurgia, são intervenções que fazem o uso de anestesia local.

Anestesias, locais ou geral, são utilizadas para que o paciente não sinta dor ou incômodo durante um procedimento cirúrgico invasivo. Continue a leitura deste artigo e saiba mais sobre a utilização de anestésicos locais durante a realização de cirurgias de varizes.

As Varizes

As varizes, ou veias varicosas, nada mais são do que veias dilatadas ou nodosas que surgem na grande maioria das vezes como resultado da alta pressão sanguínea na região dos membros inferiores como coxas, tornozelos e pés.

As varizes representam, na verdade, insuficiência venosa crônica e hipertensão venosa, que levam a um amplo espectro de manifestações clínicas, como inchaço, dores, descoloração da pele e até mesmo o surgimento de ulcerações.

Quando Recorrer a Uma Cirurgia de Varizes

As cirurgias de varizes são indicadas quando um paciente apresenta quadros persistentes de dor, inchaço, tromboflebite superficial recorrente, sangramento e sensação de cansaço nas pernas, ou seja, quando outros tratamentos não invasivos, como as meias de compressão, não obtiveram sucesso.

Além de fatores estéticos, a indicação do tratamento cirúrgico para as varizes podem incluir quadros de varicosidades sintomáticas e hipertensão venosa após alterações na pele ou no tecido subcutâneo (por exemplo, lipodermatoesclerose, atrofia muscular, ulceração ou hiperpigmentação).

Tipos de Tratamento para as Varizes

Existem diversos tipos de varizes, com isso, os seus tratamentos também acabam se ramificando. Dependendo do estágio e dos sintomas, a avaliação de um médico profissional deverá ser realizada para chegar ao melhor tipo de tratamento para o seu quadro.

Algumas das opções de tratamento para as varizes são:

Quando a Microcirurgia para Varizes é Indicada

Esse tipo de método é utilizado para a retirada de varizes de pequeno e médio porte que se localizam em camadas superficiais da pele. Pacientes que buscam a melhora de sintomas ou da aparência na região podem realizar o procedimento quando indicado por um médico vascular.

Por se tratar de um procedimento que utiliza anestesia, existem algumas contraindicações que devem ser respeitadas, entre elas podemos citar:

  • Pacientes com histórico de alergia a anestésicos;
  • Pacientes que sofram com doenças descompensadas;
  • Pacientes que apresentem algum grau de isquemia;
  • Pacientes que sofrem com a falta de circulação nos membros inferiores.

Cirurgia de Varizes com Anestesia Local

Após conversar com seu angiologista de confiança e definir a microcirurgia como meio de tratamento, ele deverá explicar todos os passos do procedimento, incluindo se terá ou não a aplicação de anestesia local para a retirada da veia comprometida.

Esse tipo de procedimento envolve a realização de pequenas incisões, tão pequenas que não necessitam de pontos para fechá-las, para que micro ganchos façam a retirada das veias doentes, fazendo com que o fluxo sanguíneo se restabeleça a partir dos caminhos saudáveis.

O procedimento, que pode ser realizado tanto em hospitais como no consultório médico, dura em torno de uma hora e meia a três horas dependendo do grau da variz e das veias afetadas.

Pós Operatório

Geralmente, o profissional pedirá um período de repouso que varia de 3 a 5 dias. Passado esse tempo, o paciente poderá voltar às suas atividades normais. No entanto, a prática de exercícios físicos, assim como a exposição ao sol devem ser evitados de 7 a 15 dias respectivamente.

Para mais informações sobre o procedimento, converse com seu médico vascular de confiança.

Mais Informações sobre este assunto na Internet: