O Sistema Circulatório ou cardiovascular, composto pelo coração e pelos vasos sanguíneos, é responsável por bombear sangue do coração aos pulmões para se oxigenar, sendo enviado, em seguida, ao restante do corpo por meio das artérias. Já as veias transportam o sangue pobre em oxigênio de volta ao coração, reiniciando o processo de circulação.

Logo, tal sistema é essencial para os órgãos, músculos e tecidos saudáveis. Mas o Sistema Circulatório não se resume a isso; então, continue acompanhando este artigo para saber como ele funciona e sobre o desenvolvimento de doenças associadas.

Entendendo o Sistema Circulatório

As células do nosso corpo precisam de nutrientes, oxigênio e hormônios, assim como devem remover os seus resíduos, que são consideradas as principais funções do sistema circulatório. O coração, o sangue e os vasos sanguíneos trabalham em conjunto para atender a essas necessidades, mas existem alguns problemas comuns, sendo eles:

  • Aneurisma: ponto fraco na parede de uma artéria;
  • Aterosclerose: estreitamento das artérias provocado por depósitos de placas de gordura;
  • Insuficiência venosa crônica: mau funcionamento das válvulas responsáveis por direcionar o fluxo de sangue, fazendo com que se acumule e coloque maior pressão nas paredes das veias;
  • Pressão alta: artérias trabalhando mais para promover a circulação do sangue pelo corpo;
  • Trombose venosa profunda: formação de coágulo sanguíneo, normalmente, acometendo as veias das pernas;
  • Varizes: problemas com as válvulas das veias que impedem o retorno do sangue.

Por meio da rede de artérias, veias e capilares, o sangue transporta dióxido de carbono para os pulmões e capta oxigênio para levá-lo às células. Do intestino delgado, o sangue reúne nutrientes alimentares e os distribui para o mesmo destino.

Função do Sistema Circulatório

Enquanto o coração é responsável por bombear sangue ao corpo por meio dos vasos sanguíneos e das artérias, a função do sistema circulatório é mover o sangue pelo corpo, mantendo os órgãos, músculos e tecidos saudáveis.

Mas para isso, necessita da ajuda dos vasos sanguíneos (artérias, veias e capilares), que atuam com o coração e os pulmões para manter a circulação do sangue contínua. Ou seja, cada um dos três é responsável por uma função:

  • Artérias: o sangue oxigenado é bombeado do coração pelas artérias, que são compostas por estruturas musculares diferenciadas, se dividindo até ficarem afinadas. A maior delas é a aorta, que se conecta ao coração e capta o sangue oxigenado; enquanto isso, a artéria pulmonar tem como função captar o sangue desoxigenado, que percorre do coração aos pulmões;
  • Capilares: quando as artérias se dividem no menor vaso sanguíneo, chamamos de capilar, que de tão pequeno, as células sanguíneas apenas conseguem se mover uma de cada vez por eles, que passam os nutrientes de oxigênio e alimentos até as células; e por estarem conectados às veias, os resíduos das células podem ser transferidos para o sangue;
  • Veias: compostas por válvulas unidirecionais com o objetivo de impedir que o sangue retorne para o lado errado, também são responsáveis por transportar o sangue desoxigenado do corpo até o coração para que seja enviado aos pulmões; mas quando o intuito é levar o sangue oxigenado dos pulmões ao coração, a função é da rede de veias pulmonares.

Fatores de Risco para as Doenças do Sistema Circulatório

Sinta suas Pernas Leves Novamente.
Agende uma Consulta com o Especialista Vascular.

Os problemas no coração e sistema circulatório tendem a acontecer quando as artérias se estreitam, o que é causado por um acúmulo gradual de material gorduroso (ateroma) nas paredes dos vasos sanguíneos.

Com o tempo, suas artérias podem ficar bloqueadas e impedir o fornecimento de sangue suficiente ao coração ou cérebro. Do mesmo modo que os coágulos de sangue igualmente conseguem bloquear esse fluxo nos vasos ou viajar até os pulmões e bloquear a artéria pulmonar, gerando um quadro de embolia pulmonar, que é considerada grave e potencialmente fatal.

Sendo assim, algumas doenças cardíacas e circulatórias compartilham os mesmos fatores de risco, em que é possível citar:

Diante disso, é possível dizer que o estilo de vida, em diversas áreas e de alguma maneira, contribui para a saúde e o bem-estar. Logo, quanto mais fatores de risco, maiores as chances de ser acometido por determinada condição, o que reforça os pedidos médicos de prevenção em relação aos hábitos.

E por mais que não haja uma maneira de modificar determinados fatores, como idade e histórico familiar, outros podem ser retirados ou adicionados ao dia a dia, como é o caso dos exercícios físicos, por exemplo.

Além disso, é fundamental realizar as consultas periódicas com o médico especialista em Angiologia e Cirurgia Vascular, e os check-ups gerais para prevenção, diagnóstico e tratamento da condição relacionada ao seu sistema circulatório.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:

Artigo Publicado em: 8 de novembro de 2019 e Atualizado em: 25 de maio de 2023

Diga Adeus às suas Dores.
Reserve a sua Consulta de Hematologia.