Varizes e Prisão de Ventre. A prisão de ventre, ou constipação intestinal, é uma condição que pode gerar diversos sintomas como desconforto, inchaço e distensão abdominal, além de mal-estar, distúrbios digestivos e gases. No entanto, o que muitas pessoas não sabem é que a dificuldade de ir ao banheiro pode aumentar o risco para o desenvolvimento de varizes.

Continue a leitura deste artigo e saiba mais sobre como a prisão de ventre pode causar varizes.

Prisão de Ventre

A prisão de ventre, constipação ou intestino preso, são alguns dos modos de se referir a condição caracterizada pela dificuldade persistente para evacuar. As principais causas para a retenção de fezes são seguir uma dieta pobre em fibras, pouca ingestão de líquidos (Água), consumo excessivo de proteína animal e sedentarismo.

Por mais que a frequência normal do funcionamento dos intestinos seja variada de pessoa para pessoa, podemos considerar quadros de prisão de ventre quando ocorrem duas ou menos evacuações por semana ou quando o esforço para evacuar é grande e pouco produtivo.

As Varizes

Varizes são veias dilatadas ou nodosas que surgem comumente na região dos membros inferiores como pés, tornozelos e coxas, causados pela alta pressão sanguínea no interior dos vasos.

Existem diversos fatores que podem influenciar no surgimento das varizes, entre eles a predisposição genética, sedentarismo, excesso de peso, tabagismo, idade avançada e gravidez.

Varizes e Prisão de Ventre

Com o frequente esforço feito para evacuar por uma pessoa que apresenta quadro de prisão de ventre, onde os músculos abdominais, faciais e do pescoço se tencionam e contraem, o alto fluxo sanguíneo pode favorecer o surgimento de varizes.

As veias localizadas nas pernas sofrem sérios danos devido ao esforço criado pela atividade muscular exercida na atividade de evacuação. Ao longo do sistema vascular, existem diversas válvulas responsáveis por regular e encaminhar o fluxo sanguíneo de uma região do corpo a outra. Quando elas são danificadas, a volta do sangue para o coração se torna mais difícil, o que leva ao acúmulo de sangue nas pernas e consequentemente ao aumento da pressão sanguínea e no surgimento de veias nodosas.

Como Evitar Quadros de Prisão de Ventre e Varizes

A prisão de ventre pode ser tratada com simples mudanças no estilo de vida e na dieta. Por exemplo:

  • Maior ingestão de alimentos ricos em fibras como frutas, verduras, cereais e legumes;
  • Ingestão de alimentos com propriedades laxativas como o mamão;
  • Ingestão regular de água.

Essas práticas podem regular o funcionamento do intestino, tornando a evacuação mais fácil e menos dolorosa.

Já para as varizes, a mudança de hábitos como atividades físicas regulares, uso de meia de compressão e manter uma alimentação saudável funciona apenas para a prevenção. Para realizar o tratamento de veias já dilatadas, seu médico vascular de confiança poderá indicar alguns procedimentos como:

  • Escleroterapia, procedimento minimamente invasivo que faz com que a veia doente entre em colapso e desapareça após a aplicação de substâncias específicas;
  • Cirurgia para varizes, procedimento invasivo que envolve a retirada da veia nodosa.

Para saber mais sobre o assunto e o melhor meio de tratamento exclusivamente para o seu quadro, procure ajuda de um profissional habilitado.

Mais Informações sobre este assunto na Internet: