Como Cãibras e Varizes estão Relacionadas? – Os músculos do corpo se contraem naturalmente ao longo do dia. Normalmente, você não percebe essas contrações porque eles relaxam naturalmente. Infelizmente, em alguns casos, o músculo se contrai e pode não relaxar sozinho. Quando isso acontece, resulta em uma sensação dolorosa que chamamos de cãibra.

As pessoas com doenças venosas sofrem cãibras porque o sangue não flui adequadamente para cima pelas veias porque elas estão bloqueadas, estreitadas ou danificadas. Se o sangue não puder fluir naturalmente pelas pernas, os músculos não conseguirão relaxar e ocorrerão cãibras.

Este artigo explica por que as cãibras podem ocorrer como um sintoma de varizes e o que podemos fazer para aliviar e prevenir este desconforto.

Como Ocorrem as Cãibras em Pessoas com Varizes

Veias saudáveis ​​coletam o sangue desoxigenado dos tecidos. O sangue venoso, com baixo teor de oxigênio e alto teor de resíduos, é devolvido ao coração e pulmões, onde é reabastecido com oxigênio e nutrientes. As veias normais têm uma série de válvulas que se abrem e fecham para direcionar o fluxo sanguíneo da superfície das pernas para as veias profundas, das quais os músculos da panturrilha bombeiam o sangue de volta para o coração.

Em pessoas com varizes, essas válvulas não funcionam adequadamente, permitindo que o sangue flua para trás. Isso resulta em vazamento e acúmulo de sangue com pouco oxigênio e rico em toxinas. É esse acúmulo de sangue desoxigenado e rico em toxinas nos músculos que os torna mais propensos a cãibras.

Quando as cãibras são causadas pelas veias com mau funcionamento, os sintomas geralmente são aliviados pela correção do problema subjacente. Medidas conservadoras, como elevar as pernas, caminhar regularmente e usar terapia de compressão, podem reduzir a frequência de cãibras noturnas.

Como Prevenir Cãibras como Resultado de Varizes

Há várias coisas que você pode fazer para aliviar e prevenir cãibras como resultado de varizes.

  • Prática de exercícios é um dos métodos mais importantes para prevenir e aliviar cãibras. Exercícios como natação, caminhadas e ioga podem ajudar a melhorar a circulação, o que evita o acúmulo de toxinas na perna. Mesmo que você trabalhe sentado o dia todo, tente flexionar os tornozelos e as pernas ao longo do dia para manter o sangue em movimento;
  • Se você tende a ter cãibras no mesmo local toda vez, tente esticar esse músculo três a quatro vezes por dia para aumentar a circulação nessa área;
  • Durante um episódio de cãibra, tente alongar e massagear a área afetada. Por exemplo, se você estiver com cãibras na panturrilha, tente esticar a perna e flexionar o tornozelo, puxando os dedos dos pés em direção à canela;
  • O magnésio é importante para a função muscular, por isso, certifique-se de ingerir muitos alimentos ricos em magnésio. Estes incluem sementes de abóbora, espinafre e arroz integral. Converse com o seu médico para saber se há necessidade de tomar suplementos de magnésio;
  • Durante ou após uma cãibra, tomar um banho quente pode ajudar a relaxar os músculos. Uma almofada de aquecimento ou uma bolsa de água quente terão um efeito semelhante.

Diagnóstico e Tratamento

Como Cãibras e Varizes estão Relacionadas?

Obter um diagnóstico adequado de varizes com o médico cirurgião vascular é importante para aliviar as cãibras nas pernas, quando estas são causadas pelas varizes.

A ocorrência de cãibras nas pernas quase sempre melhora significativamente ou desaparece completamente quando a insuficiência venosa subjacente é tratada.

Quando as cãibras nas pernas são causadas por doenças vasculares, o tratamento depende da gravidade e natureza da doença. Em muitos casos, medidas conservadoras e não-operatórias, como meias de compressão, são suficientes, enquanto em outros, podem ser necessários procedimentos ambulatoriais ou cirurgia para melhorar o problema.

Se outro problema de saúde, como desidratação ou desequilíbrio eletrolítico, estiver causando cãibras, o tratamento para varizes não será eficaz. Neste caso, para proporcionar alívio dos sintomas, seu médico irá identificar a causa real das cãibras.